segunda-feira, abril 28, 2014

ALEXANDRIA/RN: 2° AUDIÊNCIA PUBLICA SOBRE A REABERTURA DO CLUBE ARCA

Foi realizada na noite do sábado (26), na Câmara Municipal de Alexandria, a 2ª audiência pública para discutir medidas acerca da reabertura do Clube Arca. Proposta pelo Vereador Júnior Abrantes, que contou com o apoio incondicional de todos seus colegas vereadores, a audiência pública teve a participação do advogado Paulo Cesário, representando a OAB Mossoró; do Vereador Raimundinho, presidente da Câmara Municipal; do Técnico em Engenharia, Max Miller e de Alzira Carlos, secretária de Cultura do Município, além presença de vereadores, imprensa e da comunidade local. Na ocasião foram apresentadas importantes informações até então desconhecidas da população, dentre elas a de que o mandato da diretoria do clube se encontra expirado há vários anos, bem com que existe um Inquérito Civil proposto pelo Ministério Pública desta comarca com o objetivo de apurar a regularidade da Associação Recreativa Cultural Alexandriense.

Foi apresentado também um orçamento estimado em R$ 27.280,80 (vinte e sete mil, duzentos e oitenta reais e oitenta centavos), o qual surpreendeu todos os presentes, tendo em vista que as especulações em torno da resolução desta problemática giravam em torno de valores exorbitantes. Sobre este orçamento é importante frisar que o mesmo foi feito com base no projeto que se encontrava no Corpo de Bombeiros, sem que tivesse sido feito uma prévia vistoria, de modo que pode haver uma alteração para mais ou para menos, no entanto, mesmo que haja alguma alteração certamente andará longe dos valores antes especulados.

Outro ponto a destacar acerca do orçamento é que o mesmo se refere apenas ao projeto de combate a incêndio, de modo que certamente haverá a necessidade de se fazer um projeto para reforma e/ou melhorias da estrutura física do clube, no entanto, o fato que o que está impedindo o seu funcionamento é apenas esse projeto exigido pelo Corpo de Bombeiros, de modo que se o mesmo for executado a contento, o clube poderá voltar a funcionar. Além disso, o citado orçamento foi feito por uma empresa especializada no ramo, na cidade de Sousa/PB, apenas para se pudesse ter uma base, nada impedindo, portanto, que sejam feitos outros orçamentos por outras empresas que possam cobrir tal valor.

Também foi informado na audiência pública a existência de uma ação de nº 0100213-55.2014.8.20.0110, ajuizada por um dos sócios proprietários, na qual foi deferido o pedido liminar, onde a magistrada determinou que o Sr, Janduí Gonçalves Maia apresentasse no prazo de 15 dias, sob pena de pagamento de multa diária de R$ 500,00 até o limite de R$ 10.000,00, a cópia do estatuto social, composição da atual diretoria, relação com o nome de todos os sócios e a data da última eleição.

É importante que toda a sociedade se engaje nessa luta, fazendo pesquisa de mercado acerca do citado orçamento, cobrando celeridade a justiça no julgamento do processo de nº 0100213-55.2014.8.20.0110,, bem como com o fornecimento de documentos e informações, que poderão ser repassadas ao Vereador Júnior Abrantes ou ao Promotor Sidharta John, em prol desse objetivo em benefícios de todos cidadãos de Alexandria.